O técnico do Niners, Kyle Shanahan, gostaria que seus jogadores não lutassem entre si durante os treinos

Principal Esportes
 São Francisco 49ers
Imagem Getty

O técnico do Niners, Kyle Shanahan, gostaria que seus jogadores não lutassem entre si durante os treinos

O San Francisco 49ers está saindo de uma corrida surpresa para o NFC Championship Game e se encontra no meio de uma gigantesca offseason, já que a equipe está se afastando do quarterback Jimmy Garoppolo e entregando as rédeas de seu ataque ao sinal do segundo ano. chamador Trey Lance. Os treinos de pré-temporada, no entanto, tiveram alguns problemas, embora não pareçam ter nada a ver com sua situação de QB.





Em várias ocasiões durante o treino da equipe na terça-feira da semana passada, os jogadores ficaram agressivos uns com os outros. O mais notável veio quando uma rebatida tardia do star linebacker Fred Warner levou o wide receiver Marcus Johnson a sofrer uma concussão. Um colega receptor, Brandon Aiyuk, confrontou Warner, o que levou a uma briga.

Enquanto o técnico do Niners, Kyle Shanahan, disse que não se incomodou por Aiyuk defendendo seu companheiro de equipe, sua forte preferência parece ser que ninguém luta contra ninguém.





o que é totoro baseado em

“Quero que todos se desafiem”, disse Shanahan ao imprensa na sexta-feira . “Eu não me importo com quanta porcaria o outro fala; Eu não me importo o quão perto eles chegam de lutar. Eles podem fazer o que quiserem para serem tão intensos quanto quiserem e tirar o melhor um do outro, o que acontece muito dessa forma. E é a mesma coisa em campo.



“Mas uma vez que você dá um soco, você é expulso ou recebe um pênalti, e nos orgulhamos disso, quero que as pessoas sejam irritantes, quero que as pessoas cheguem o mais perto possível de todas essas coisas. Quero que as pessoas cheguem à linha onde estão prestes a desmaiar, mas você não pode desmaiar no campo de futebol ou custará ao seu time”.



imagens do clã wu tang

Que todos os 32 times da NFL tomem isso como lição: lutar nos treinos é ruim.